quinta-feira, 20 de outubro de 2011

IThEO realiza conferência para discutir tecnologia do tório

Por Sergio Tunes
De Nova York - EUA

A IThEO, Organização Internacional da Energia do Tório (do inglês, International Thorium Energy Organization), realizou na cidade de Nova York, entre os dias 10 e 12 de Outubro de 2011, uma conferência com o intuito de discutir os aspectos políticos, econômicos e tecnológicos envolvidos no uso do elemento químico tório e suas potenciais aplicações na indústria de energia nuclear.

A organização, que é sediada na Suécia, convidou cientistas, engenheiros, políticos, investidores, escritores e outros interessados para debaterem os entraves governamentais e os progressos técnicos/científicos da tecnologia do tório

A participação de grandes instituições cientificas de peso no evento foi uma demostração de como este assunto é fundamental para as economias ocidentais e como isto pode influenciar o futuro da humanidade. O cidadão comum não percebe ainda o valor do que está acontecendo e como isto pode vir a mudar a sociedade e tornar a energia bem mais barata e abundante.

A conferência contou com a participação importante da Brookhaven National Laboratory, de membros da Oak Ridge National Laboratory, da Comissão Cientifica Europeia, da Fundação Weinberg (Inglaterra) e de várias outras instituições acadêmicas do planeta.

Houve a participação de vários palestrantes como o ex-deputado federal, William Foster (um cientista conceituado que decidiu enveredar-se pela politica), Jess Gehin, diretor da Oak Ridge National laboratory, John Duncan da UK Foreign Office, Kirk Sorensen (fundador da empresa Flibe), Laurence O'Hagan (diretor da Fundação Weinberg), Ondrej Benes (da Comissão Cientifica Europeia), Takashi Kamei da Universidade de Kioto, Yacine Kadi do CERN e muitos outros.

O Brasil era para ter participado (eu estive lá apenas para aprender e observar desta vez) e ficamos devendo uma participação mais ativa para a próxima conferência. A minha esperança é que na próxima reunião, por volta da primavera do ano que vem, possamos convidar cientistas e engenheiros brasileiros para palestrar sobre o que o Brasil anda fazendo nesta área importantíssima para o nosso futuro energético.

*Sergio Tunes é físico formado pela Portland State University e membro da The Orly Energy Group.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Parceiros fóton Blog

O designer fóton Blog

Twitter